Como vencer a timidez (entrevista)

Por: Luzia Winandy Entrevista e podcast para o Potal RH Connect

Como vencer a timidez? Quais os tratamentos? Dicas para quem é tímido?

A melhor maneira de vencer a timidez é a pessoa se aceitar como ela é. Porque quando nos aceitamos, ficamos bem mais tranqüilos e nos cobramos menos. Quando digo se aceitar não é simplesmente desistir de fazer algo que a faz se sentir tímido; pelo contrário, é enfrentar a situação do jeito que é possível para ela, não criando expectativa sobre si própria. Porque o tímido acaba se cobrando muito, pelas expectativas que ele cria sobre sua pessoa.

Uma psicoterapia é muito indicada para casos onde a pessoa não consegue enfrentar sozinha situações temidas. Vai ajudá-la a entrar em contato com suas fragilidades, limitações falhas, medos, fraquezas, defeitos. A olhar para seus principais sentimentos negativos e idéias errôneas que muitas vezes formulou ao longo da vida, como por exemplo, preciso acertar sempre, preciso ser boa para as pessoas gostarem de mim; desmitificar as interpretações erradas de seus pensamentos acerca de si mesmas. Trabalhar a auto-estima (como a pessoa percebe e valoriza a si mesma). Ajudá-la a desenvolver maior confiança em si própria.

Concomitantemente, utiliza-se na psicoterapia estratégias que levam a pessoa aprender a gerenciar seus medos de errar e poder ousar mais nas situações, ponderando com ela os reais riscos. Uma dica importante é que as pessoas sejam mais bondosas consigo próprias e se permitam errar. Não entrar num circulo vicioso de sofrimento antecipatório, numa tentativa de prever situações para não cometer “falhas” ou “gafes”. Lembrar sempre que errar é humano.

Para aqueles com mais dificuldades de relacionamento social, um dado importante para desenvolver uma conversação é não criar expectativas sobre si próprias. O tímido vai para o relacionamento muito preocupado de como ele vai conduzir uma conversa, por exemplo, com um medo enorme de não ter assunto para conversar, ou ainda com um medo do vazio que pode ser formado no contato com o outro. Para estabelecer um relacionamento é muito importante aprender a ouvir o outro e para isto, deve prestar atenção no que o outro está falando e se descolando um pouco de si próprio. A pessoa muitas vezes fica tão presa nesta percepção de si, que não ouve o que o outro fala. Mostrar mais interesse pelo que o outro está falando, fazendo movimentos e sinais de interesse, sinalizando com a cabeça, ou fazendo comentários como: que legal ,muito bom etc. e fazer perguntas dentro do assunto do outro, ajuda a firmar vínculos mais importantes. Muitas vezes falar de assuntos mais pessoais, relatando um pouco de sua vida, da família ou algo que se passou com ele, isto aproxima muito mais as pessoas. Uma relação pode desenvolver-se mais facilmente quando as pessoas envolvidas compartilham algo sobre si mesma.

Luzia Winandy

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo